“Eles combinaram de nos matar. Então nós combinamos de não morrer”. A frase, da escritora Conçeição Evaristo, é um dos motes da escritora e ativista Maria Amélia Telles, de 74 anos, conhecida como Amelinha. Ela é famosa na história brasileira por sua luta e também por ser parte de uma das famílias brasileiras que cruelmente sofreram com a ditadura militar.

Leia mais