Peço imensa desculpa àqueles que não partilharem das minhas opiniões e observações sobre a gestão governamental e política do atual momento político brasileiro. Todavia, o respeito acima de tudo. Isso é democracia. o respeito à opiniou contrária. 

Não obstante, não é isso que está acontecendo na atual gestão governamental. 

Apesar de não ser brasileiro, como muitos já sabem, mas os quase 30 anos de permanência neste belo país me dá o direto de opinar como se fosse brasileiro. 

Como disse Kennedy nos idos de 63 na triste vergonha do muro de Berlim levado a cabo pela ex-União Soviética, proclamou alto e bom som “Em berlim, sou berlinense” frase história… de um excepcional presidente da América, não o atual nanico presidente americano. 

Apesar deste blog ser de fundo espírita, não posso deixar de dar voz ao sofrido povo brasileiro, piorando ainda mais com a atual gestão governamental. Não podemos calar o poder autoritário de Bolsonaro (des) governando o Brasil como se estivesse governando uma “república de bananas”. Um presidente que se preocupa em “escola utópica sem partido”, quase neutralizar o estudo de Sociologia e Filosofia, não respeitar as diferenças étnicas e ideológicas, custa acreditar que isto seja possível a um ser pensante em pleno sec XXI.

Era esta a personalidade que a grande massa acéfala, neurótica, preconceituosa e sem ocupação, organizou um “exército” de comandos para despejar um monte de mentiras pelos WhatsApp de grande maioria de brasileiros, aconselhando, aliás, impondo a votação nesse homem, só para não votarem no Haddad, como se fosse a vinda de um verdadeiro messias salvador da Pátria? Eu cheguei a receber um zap da vida dizendo que se o Haddad ganhasse iriam tomar as cassas das pessoas e colocarem várias famílias na mesmo casa… Eu recebi a mensagem, não ouvi alguém falar, não… Claro que excluí de imediato esse ignorante. Imagine-se a repercussão de uma notícia desta natureza na grande massa ignorante que ainda grassa por este Brasil…

Os de bom senso sabiam que essa pessoa não tinha gabarito para dirigir o Brasil, mas foram abafados pela besta desenfreada…

Será que ainda acreditam na gestão equilibrada do Brasil com esse homem no poder?

Porque ninguém se manifesta nas ruas e com os panelaços que esbafuridos fizeram no célebre golpe de Dilma Rousseff?

Estamos só no começo. Pouco mais de cem dias. Aguardem pelo porvir…

Alberto Maçorano