https://www.facebook.com/helena.sipraki

Este link leva a uma página do FACE onde se constata o depoimento de uma sobrevivente do Holocausto e que serviu de cobaia humana a Mengele.

Nosso comentário: infelizmente esta realidade tão concreta, profunda e nefasta à sociedade contemporânea, aflora num momento tão sutil na panorâmica social brasileira da eleição presidencial. 

Parece que é para situação idêntica ou muito parecida que os eleitores fanáticos anti PT e Lula, querem levar o Brasil. 

Descobri quase por acaso no yhahoo, antes de saber o resultado das eleições, um imponente órgão jornalístico, “JUSTIFICATIVO”, no qual, após breve leitura fiquei de queixo caído, quando constatei a quantidade de material autêntico, verdadeiro e de grande responsabilidade sobre o presidenciável Jair Bolsonaro. 

Eu já tinha repulsa por esse “cavalheiro”, mas nunca com o elevado nível de autenticação dos seus equívocos  desenvolvidos por esse excelente órgão jornalístico. 

Parabéns a todos os que participam deste sensacional órgão jornalístico, que tive o prazer de conhecer hoje e que retrata com tanta fidelidade a personalidade “Bolsonaro”. Até ao dia das próximas eleições não postarei mais nada para que possam ler com tranquilidade todos ou quase todos os acontecimentos envolvendo esse senhor.

Não vou entrar na onda dos ódios e rancores que enxameiam a mídia da internet brasileira e que retratam com tanta fidelidade a personalidade dos cidadãos brasileiros. A falta de educação, cultura, conhecimento e bom senso de um percentual significativo da sociedade brasileira é gritante. 

Não vivemos numa selva de pedra, nem numa selva de gorilas (sem ofender os pobres animais). Somos humanos e defensores dos direitos consagradaos na Constituição Brasileira e nos direitos humanos. Somos livres para votar em quem quiser sem a particularidade de podermos ser ofendidos pela nossa escolha. 

Ninguém tem o direito em se achar juiz em causa própria. Nem o judiciário consegue se entender, mesmo em posse de documentos válidos ou não perante certos acontecimentos, como o caso do Lula em particular, no qual não tenho conhecimento de que haja qualquer indício de que ele roubou ou participou de qualquer esquema de corrupção. Mas o judiciário politizado teima em condenar um cidadão sem qualquer comprovativo. Nem por isso, a maior parte daqueles que se arrogam em comentar na internet, o fazem com tal convicção condenando e enxovalhando o Lula, como se tivessem em poder de toda uma documentação comprobatória de tais atos de que o condenam, difamando de tudo e mais alguma coisa.

Será que essa gente não tem mais nada do que fazer senão estar perante um computador ou celular permanentemente? E o fazem te tal jeito como se o Lula e o PT fossem os criadores da corrupção brasileira. Será que esses doutores conhecem a história do Brasil? Será que têm a neutralidade suficiente para atacar apenas essas personalidades. Será que existe alguém na atual política que não esteja com o rabo preso na corrupção? 

Será que existe imparcialidade na justiça brasileira ao deixar um senhor Aécio Neves, livre e solto depois de acabar com a situação económica brasileira ao não deixar governar a presidente Dilma até consumar o seu gesto anárquico do impeachment, além de estar envolvido diretamente no esquema de corrupção de FURNAS? Além do dinheiro das malas, evidentemente. 

É para manter a anarquia no Brasil que esses senhores do STF ganham chorudos salários, provocando toda a espécie de injustiças e parcialidades no judiciário brasileiro? ETC., ETC., ETC.

Teríamos muito e muito mais para desenvolver no cenário político e governamental do Brasil, mas além de não ter tempo útil para o fazer, não justifica também essa perda de tempo.

Todavia, convém sublinhar que a justiça terrena não existe, mas a divina, podem crer que ela não deixa escapar uma vírgula sequer. Mas, infelizmente a maioria seuqer sabe que a espiritualidade e a reencarnação são uma realidade inquestionável e inconteste. E foi nesse sentido que o arrogante Bolsonaro sofreu a facada do seu agressor, pensando que foi um ato trersloucado ou sem qualquer motivação. Porém, essa atitude foi a reação do seu agressor que em outra vida foi agredido pelo senhor Bolsonaro. Confirmando a famosa lei de ação e reação ou de causa e efeito, conforme lhe queiram chamar, ou simplesmente cada um colhe aquilo que semear. Portanto esse senhor Bolsonaro não é flor que se cheire já de outras vidas. 

Mas, o pior desta novela é a motivação do voto, designado de popular, que se desenvolve através do ódio, do rancor, da raiva e da desqualificação total de um terceiro (Lula e PT) em prol de uma pessoa totalmente desqualificada e desequilibrada, para ser o governante máximo de um país. Eis a prova cabal na qual a famosa “maioria” em grande parte das vezes é desprovida da razão. Eis a razão do Brasil que temos…

Não deixem de ver o Globo Repórter de sexta-feira (05/10/18) onde aparecem partes do Brasil que custa acreditar possam existir. Em contrapartida uma minoria vive em palácios suntuosos e ganham exageradmente como afronta à pobreza da sociedade brasileira.

Tenho a certeza que esse senhor vai ganhar as eleições com a ajuda da ralé brasileira. Tenho a certeza também que o Brasil vai ficar muito pior do que está…

Alberto Maçorano