…Creio que tanto na palavra do apóstolo Paulo, quanto na expressão de Allan Kardec, o aforismo “Fora da caridade não há salvação” ficará mais claramente colocado, em linguagem de todos os tempos, nos termos: “Fora do amor não há salvação”. 

Nosso caro Emmanuel muitas vezes nos diz que esse conceito de “salvação”, na sentença mencionada, vale por “reparação”, “restauração”, “refazimento”… 
A propósito, habituamo-nos a dizer, com referência a um navio que superou diversos riscos: “O barco foi salvo…” Ou de homem que se livrou de um incêndio: “O companheiro foi salvo do fogo…”

Salvos para quê? Logicamente, para continuarem trabalhando ou sendo úteis.

Nessa interpretação justa e salutar, reconhecemos que fora da prática do amor uns pelos outros não seremos salvos das complicações e problemas criados por nós mesmos, a fim de prosseguir-mos em paz, servindo-nos reciprocamente na construção da felicidade que almejamos.

Chico Xavier
Ensinamentos de Francisco Cândido Xavier (Encarnado) registrados por Carlos A. Baccelli

Postado por Ana Maria Teodoro Massuci, em 10/08/19, na Rede Espirit Book.