O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) voltou a criticar o candidato do PSLnas eleições 2018Jair Bolsonaro. Em sua conta no Twitter, o ex-presidente classificou como “inacreditável” a postura do presidenciável.

No domingo, 21, o capitão reformado prometeu fazer uma “faxina” e banir os “vermelhos” do Brasil, uma referência aos apoiadores de seu opositor Fernando Haddad (PT).

Ainda de acordo com Bolsonaro, aqueles que discordarem serão obrigados a deixar o País ou ir “para a cadeia”. As declarações foram feitas via transmissão de vídeo e exibida a apoiadores do candidato concentrados na Avenida Paulista. “Esses marginais vermelhos serão banidos de nossa pátria”, diz Bolsonaro.

As declarações do ex-presidente foram feitas no mesmo dia em que a campanha de Fernando Haddad (PT) prepara uma série de ações contra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) por incitação à violência e ao ódio e apologia ao crime, também por conta do vídeo divulgado no domingo. Segundo o advogado da campanha petista, Eugênio Aragão, peças jurídicas estão sendo preparadas pela equipe para serem apresentadas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), à Comissão de Ética da Câmara e ao Supremo Tribunal Federal ou Procuradoria Geral de República, neste último caso a representação deverá ser criminal.

No vídeo, Bolsonaro também faz referências ao senador Lindbergh Farias(PT-RJ).

Nosso comentário: sem palavras para qualificar a estatura política desse candidato. Simplesmente estarrecedor… Por aí se avalia a qualidade moral dos seus apaniguados…

Alberto Maçorano