Já lhes disse, há algum tempo, que eu não sou kardecista, mas respeito-os muito, sobretudo pela capacidade que boa parte dos espíritas têm – e a demonstram – de prática de amor ao próximo. Mas, realmente não creio em reencarnação, pilar da doutrina que, para muitos, além de religião é ciência e filosofia. 

A reencarnação, aliás, até que seria uma oportunidade de todos nós começarmos tudo de novo. A poetisa católica Adélia Prado – mineira de boa cepa – certa vez, concedendo entrevista a jornal paulistano, disse: “Ah! Como eu gostaria de começar tudo de novo.

Leia mais