Da miséria humana à bandalheira política o menu é farto. Um homem agrediu a grávida e jogou o enteado de 5 anos na parede. Uma mãe matou o filho de 24 anos e o enterrou no quintal, alegando que sofria abuso sexual. Todos carregamos uma herança biológica, o DNA, explica muito, mas ninguém nasce assassino.

Read more