Na adolescência – quando eu não havia começado a trabalhar e somente estudava – dedicava a maior parte do meu tempo à leitura. Meu pai apoiava a opção que fiz porque – na verdade – eu havia acatado a sugestão dele.Só depois – graduado – eu deveria dividir o meu tempo, dedicando-o mais para a atividade profissional. O Aleph é a primeira letra de muitos alfabetos. Meu começo – uma espécie de Aleph – deve ter sido igual ao de muita gente.Agora, quando desacelero em termos de atividade profissional – ainda que não tenha parado definitivamente – percebo que, de novo, começo a dedicar mais tempo para a leitura.

Read more