“Bem-aventurados os mansos e pacíficos, porque eles herdarão a Terra …” – disse Jesus.

A Terra está deixando de ser um planeta de provas e expiações para se tornar um planeta de regeneração. Espíritos rebeldes à lei de Deus não poderão habitar mais nele porque atrapalharão sua evolução. Já estamos naquela “peneira” simbólica que Jesus mencionou, onde está havendo a separação do joio (Espíritos rebeldes à lei de Deus) e do trigo (os Espíritos bons). 

E esta separação ocorre no plano espiritual ao desencarnarmos. Lá, quando estivermos sendo preparados para reencarnar, será selecionado quem retornará e quem não retornará ao planeta Terra. Os que não irão retornar encarnarão em mundos inferiores até deixar de serem rebeldes. Só então, poderão retornar à Terra.

QUAL O PERFIL DOS ESPÍRITOS QUE NÃO REENCARNARÃO MAIS NA TERRA?

Manoel Philomeno de Miranda, no livro “Transição Planetária” responde: “As criaturas que persistirem na acomodação perversa da indiferença pela dor do seu irmão, que assinalarem a existência pela criminalidade conhecida ou ignorada, que firmarem pacto de adesão à extorsão, ao suborno, aos diversos comportamentos delituosos do denominado colarinho branco, mantendo conduta egoísta, tripudiando sobre as aflições do próximo, comprazendo-se na luxúria e na drogadição, na exploração indébita de outras vidas, por um largo período não disporão de meios de permanecer na Terra, sendo exiladas para mundos inferiores, onde irão ser úteis limando as arestas das imperfeições morais, a fim de retornarem, mais tarde, ao seio generoso da mãe-Terra que hoje não quiseram respeitar.”
Texto de Rudymara
Do site: GRUPO DE ESTUDO ALLAN KARDEC

Postado por Ana Maria Teodoro Massuci, em 23/01/18, na Rede Espirit Book

Posts Relacionados