Homem é espancado até a morte após matar mulher a facadas …

Um homem foi espancado até a morte após agredir duas mulheres e matar uma delas com uma faca em Cangaíba, na Zona Leste de São Paulo, na noite desta terça-feira (7).

A Polícia Militar (PM) não informou qual era a relação do homem com as vítimas.

Por volta das 18h30, segundo a PM, um sujeito atacou as duas mulheres na Rua Miguel Garcia a facadas. Elas foram levadas ao pronto-socorro do Hospital do Tatuapé, mas uma não resistiu aos ferimentos.

A outra, também agredida a facadas, segundo a PM, aguarda para fazer uma cirurgia e seu estado de saúde é considerado estável.

Ainda, segundo a corporação, o agressor foi agredido por populares ainda no local e morreu. O delegado responsável pela ocorrência foi ao local para apurar o ocorrido. A faca usada no crime foi apreendida e o caso encaminhado ao 10° Distrito Policial da Penha.

 

Nosso comentário: Já se sabe que foi um caso amoroso de alguém que não aceitou a separação. É impressionante como o ser humano atingiu um grau tão elevado de animalidade, ao invés de se debruçar sobre a espiritualidade humana. Tira-se a vida de um ser humano como quem bebe um simples copo de água… Conclui-se por aí que a pessoa não tem a mínima noção do que está fazendo neste mundo planetário Terra. Concluindo-se também o resultado da ausência do estudo filosófico existencialista nas escolas. 

O homem não pode vivenciar uma vida de animal, como a que está vivenciando. Enquanto o homem não começar a vivenciar a realidade existencialista que nos dá a doutrina espírita, não sairemos dos limites animalescos em que estamos consignados, ao sabor de todas as arbitrariedades.

Alberto Maçoramo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *