Você ouve sobre os benefícios da atividade física e de como seguir uma alimentação saudável faz com que a gente se sinta mais disposta. Mas, nem sempre acredita nessas informações? Esse era o caso da americana Cheryl Carlin, produtora de web da Self, revista fitness americana, que aos 22 anos pesava cerca de 99 quilos. Quando criança, ela era ativa e praticava muitos esportes, o que fazia com que o seu peso fosse normal. Depois que parou com os exercícios, no entanto, o ponteiro da balança disparou.O início da faculdade só fez que a jovem ganhasse mais peso. Sua rotina era composta por uma dieta sem alimentos saudáveis, festas e lanches durante a madrugada de estudos. Ao final do último ano ela já estava chegando à faixa dos 99 quilos.

Após a graduação, sua irmã gêmea decidiu que era hora de emagrecer. Foi aí que Cheryl sentiu o primeiro incentivo para mudar. Ela começou, então, a fazer caminhada mesmo sendo um exercício cansativo na época. Enquanto sua irmã corria 1 quilômetro, Cheryl mal conseguia realizar o mesmo percurso caminhando. Aos poucos, ela foi aumentando a distância e a dificuldade – alternando entre corrida e caminhada. Com isso, ganhou mais fôlego e disposição para continuar.

E mais: esta mulher emagreceu 51 kg com vídeos de treino e zumba no YouTube

Depois de cinco meses praticando, ela já se sentia mais feliz e confiante. A vontade de experimentar algo novo surgiu quando viu a propaganda da Meia Maratona da Filadélfia (EUA). Com alguns meses de treinamento intenso, ela finalmente conseguiu terminar uma meia maratona. A conquista fez com que a jovem percebesse que gostava mesmo de malhar, o que até então parecia impossível. Para incentivar outras pessoas a encarar o processo de transformação, ela compartilhou 4 lições que aprendeu durante o processo:

1. Perder peso é difícil
Não adianta achar que você vai conseguir eliminar todos os quilinhos de uma só vez. O processo de emagrecimento é demorado e é preciso uma dose extra de motivação e dedicação para continuar firme em sua jornada fitness e atingir seus objetivos.

2. Encontre uma parceira fitness
Ter uma pessoa que compartilha os mesmos objetivos é muito importante. Isso porque ela não deixa você desligar o despertador, dá carona até a academia e ainda fica na prancha para você saltar por cima.

3. Experimente novos desafios
Se você conseguiu completar os seus primeiros 5k, que tal avançar para os 10k? Criar novos desafios é essencial para a sua evolução fitness. Assim, você mantém a motivação em alta e dá adeus ao desânimo.

4. Encontre o seu ponto de equilíbrio
Sim, tudo é uma questão de equilíbrio. Encontre uma modalidade que você gosta e se joga. Pode ser dança, ioga ou até corrida. E se bater a vontade de comer um docinho? Permite-se um dia de folga na dieta ou, então, procure versões saudáveis.

Veja também: “Nunca vou me esquecer do dia em que comprei meu primeiro jeans”, diz médica que perdeu 40 quilos

Nosso comentário: sem dúvida, seja para o que for, primeiro que tudo é necessário uma grande dose de boa vontade, de iniciativa e de perseverança para que as coisas aconteçam. Do contrário, não se chegará a parte alguma.

Alberto Maçorano